“Amor por Contrato” ou “The Joneses”

Antes de mais nada, gostaria de deixar claro que esse é o tipo de filme que eu nunca alugaria.


Odeio comédia romântica, e olha a capa xexelenta que fizeram para o filme aqui no Brasil. Além de feia, é até meio mal feita. A escolha da fonte, das cores, contornos… Tudo errado. Sem contar no nominho sem vergonha que usaram para a tradução de “The Joneses”, que além de tosco, já meio que dá a entender o assunto do filme. Gostei bem mais do nome e da capa original, que apesar de não ser explicativo, conta com a ideia inteligente de colocar os preços de cada item adquirido na capa. Se você assistir o filme, vai entender o que estou falando. Anyway, não fui eu que aluguei. Apenas acompanhei meu pai na locadora e foi ele quem escolheu. Na hora de pagar, olhei pra capa e comentei: “Nossa, esse é o tipo de filme que eu nunca alugaria. Odeio comédia romântica!”. O cara do balcão logo retrucou: “Não é comédia romântica não… As pessoas tem falado muito bem desse filme”. Então resolvi pegar a capa e olhar melhor. Opa, Hank Moody! Deixei um pouquinho do preconceito de lado, já que o ator principal do filme estrela um dos meus seriados favoritos: Californication.

Acabei indo pra casa do meu pai e mais tarde resolvi ver o filme para fazer companhia. Que ótima decisão eu tomei! O filme acabou me surpreendendo. Não diria que ele foge totalmente da coisa que eu odeio em comédias românticas: tem final feliz e eu consegui desvendar alguns conflitos antes deles acontecerem de fato, mas a diferença foi que o filme me prendeu. Achei a ideia de enredo legal, talvez porque tenha rolado uma certa identificação com o tema principal: a “publicidade”. O motivo da minha vida nova de trabalhar em casa e ter pedido demissão da agência, tem muito a ver com a relação que andava tendo com ela.

Não quero falar muito, porque o filme começa com um certo mistério, você vai descobrindo o que é ao longo da história. Mas apesar de ter clichezinhos do começo ao fim, foi um filme muito legal de ver. Ele dá um tapa na cara da sociedade (hahaha adoro falar isso) mas ele meio que esfrega algumas coisas na cara das pessoas mesmo. E é muito bem feito, tudo muito bem amarradinho. Do tipo que a gente para e pensa: “Nossa, daria muito pra fazer isso de verdade. Ops! Será que existe e eu não sei?”.

Enfim, fica ai a dica de filme. A lição que aprendi foi: não julgue o filme pela capa.

Adoraria que vocês vissem e viessem comentar aqui se gostaram ou não. E quem já viu, por favor… Podem fazer spoiler nos comentários, mas avisem em caixa alta antes: “SPOILER!!!” para nenhum dos outros leitores que ainda não viram serem pegos de surpresa. 😉

Ps. ia colocar o trailer mas acho mais legal quem vê o filme sem saber exatamente da história. Como eu achei que o filme fosse ser chato, não me preocupei nem em ler a sinopse atrás da capa, e acho que foi muito mais divertido assim. Fui descobrindo o filme aos poucos. A sinopse e o trailer já falam demais. #ficadica

Anúncios

12 Comentários

Arquivado em Filmes

12 Respostas para ““Amor por Contrato” ou “The Joneses”

  1. SPOLER DETECTED

    O Filme é legalzinho, eu gostei!
    Achei meio desnecessário mandar um peitinho logo no inicio de um filme que é bem agua com açúcar ( eu adorei é claro. rs ) e o ator que faz o filho gay é bem fraquinho. Mas no geral eu gostei do filme, rola uma reflexão e a história convence!

    Bju

  2. Humm, fiquei curiosa pra assistir esse! A diferença é que eu curto comédia romântica (mesmo com aqueles clichês) rss.

    Uma coisa que achei curiosa aí no texto é que você acompanhou teu pai numa LOCADORA DE FILMES *-*
    São raridades hoje em dia, vamos combinar né.. rs.

    ^^

    bjus***
    Nana Japinha ^_~

  3. Nayara,
    meu pai sempre aluga filmes, mas pela internet. Ele aluga 3 por semana e os caras entregam e buscam em casa. Hoje ele acabou perdendo a troca de filmes e ficou sem filme nenhum pra ver. Então quis passar na locadora e pegar um novo, hehehe. Eu normalmente baixo todos os filmes que quero ver pela internet mesmo.


    Luquinhaz,

    SPOILER
    Sabe que nem lembro de ter tido peitinho? Mas provavelmente é na hora que a filha chega na cama dele, né? Achei até que legal porque ainda não sabia da história. 😉

  4. ah, eu já vi esse filme e juro que pensei “será que isso existe mesmo?” hahaha.
    as comédias românticas tão tendo essa mudança de uns tempos pra cá, tentando não ficar tão clichês. gosto bastante de definitely maybe (3 vezes amor), the holiday (o amor não tira férias), something’s gotta give (alguém tem que ceder). (sério, o que são essas traduções???) não sei se você já viu, porque são filmes bem conhecidinhos, mas como você disse que não curte, talvez não tenha visto.
    mas enfim, pessoalmente, gosto desses filmes água com açúcar. de qualquer forma, quando for na locadora e teu pai pegar algum desses filmes, aconselho! haha

  5. Engraçado você comentar que o ator principal é “estrela um dos meus seriados favoritos: Californication”.

    A maioria lembraria de Arquivo X.

  6. Grandes Filmes,
    até ia comentar isso mas achei que poderia perder o foco. Nunca vi Arquivo X, mas a maioria lembra dele por isso mesmo… hehehe. É que Californication é foda! Mas e ai, “The Joneses” é um “grande filme” pra vocês? 🙂

  7. André

    Rê, realmente o filme é muito doido, baixei ele na internet e fiquei com preguiça de ver justamente pq julguei o filme pela capa. Assim que li seu post resolvi criar coragem e assisti, muito doida a história e bem bolada! Só achei meio fraco o final.

    🙂

    é como você diz: As vezes julgamos o livro pela capa!

    Beijocas

  8. Eu vi no avião só porque entendi a sacada pelo trailer, senão nunca teria visto.

    A ideia é excelente, mas ele poderia ter sido feito com muito, mas muito mais acidez. De qualquer forma, é um filme que recomendo.

  9. João Henrique Moldenhauer

    Irei dar uma conferida…nunca alugaria esse filme. Talvez um dia visse acompanhado de alguma garota que adora mamão com açucar. Mas se vc recomendou (e acho q nossos gostos pra filmes são parecidos) e tem o Hank Moody no filme (Californication definitivamente É minha séria favorita) acho que vale a tentativa, hehe.
    =*

  10. Mateus Amaral

    vc gostou? li a crítica no omelete e desencanei do filme.
    http://www.omelete.com.br/cinema/amor-por-contrato-critica/

  11. É um filme com uma crítica bastante necessário, mas ele é todo engessado num roteiro já mastigado: o cara aparece e é a catarse pra mulher…
    Entretenimmento válido, não é pra assistir esperando um filme de arte, um Tarantino!
    A.

  12. Assisti esse filme ontem! O roteiro parecia bem legal, mas do meio pro fim começou a ficar muito lenga lenga com ares de comédia romântica. Acho que vale assistir se vc não tiver nada melhor pra ver (tipo domingos de frio passados o dia todo embaixo do edredom.)
    Beijos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s