Oi, essa sou eu :)

Não sei se tenho uma noção exata de quantas pessoas entram no meu blog. Também não sei como elas chegam até aqui, quem são, o que querem, se gostam ou não…No WordPress, rolam as estatísticas, que me ajudam bastante a descobrir um pouco mais sobre isso mas…Não é o bastante. Nem todo mundo que entra e lê, comenta. Aliás, a maioria nem comenta, não sei nem se as pessoas tem paciência de me ler até o final. Eu adoro ler os comentários e saber o que as pessoas pensam, respondo alguns que acho que devo responder e adoro essa interação com meus leitores.

Bom, levando em consideração que eu não sei muito sobre vocês, vou escrever esse post como se vocês não soubessem nada sobre mim. Tudo bem, vocês sabem dessas histórias loucas da minha vida, sabem que sou meio maluca por relações com pessoas e, se estão aqui, é pq gostam disso.

Então, resolvi mostrar um pouquinho de mim. Como eu sou, como falo, o jeito com que mexo as mãos, me expresso e me confundo em meio a meus pensamentos. Acho que deve dar pra perceber, pela minha escrita, que eu penso mais rápido do que consigo falar né? Talvez escrevendo não seja tão confuso pq eu reviso depois, ajusto algumas idéias que possam ter ficado confusas mas…Eu sou estranha! hahaha Quando me empolgo com alguma coisa e tenho vontade de contar sobre ela, eu começo a falar sem parar e é raro encontrar alguém que acompanhe meu ritmo sem se perder.

Uma ferramenta muito legal pra perceber isso é o Gengibre. Não sei se vocês conhecem mas o Gengibre é tipo um Twitter falado. Você faz gravações de voz inves de ter 140 caracteres para se expressar. Quem quiser ouvir o meu, está aqui: Gengibre da Rebiscoito

Agora, indo um pouco mais a fundo, essa sou eu em pouca carne e puro osso:

Esse é um vídeo feito por 2 amigos meus do blog ideia sem hífen, para o trabalho de graduação da faculdade. Na verdade, esse vídeo é apenas uma amostra do que está por vir. Eles editaram minha entrevista e fizeram essa prévia de 1 minuto pra concorrer no “Histórias que mudam o mundo”, um concurdo do site Museu da Pessoa.

Então, além de me conhecer um pouco melhor me ouvindo e me vendo falar, se tiverem gostado do vídeo e quiserem votar nele, entrem no site e votem. Não precisa se cadastrar nem fazer nada dessas coisas chatas, basta um cliquezinho 😉 [Quando o vídeo final tiver pronto, claro que eu vou postar aqui.]

Agora, sabe o que eu queria? Que vocês comentassem sobre o que acharam de mim. Eu imagino, que pra quem não me conhece pessoalmente, deve ser engraçado me ver falando depois de tanto me ler. Me imaginavam diferente? Tipo loira, gorda, voz grossa ou voz fininha? Quando o povo me conhece pessoalmente em eventos do Twitter por exemplo, sempre falam algo do tipo: “Nossa, achei que você era gorda, baixinha e realmente usava aqueles óculos fundo de garrafa!” hahaha…To escrevendo tudo isso pq, no lugar de vocês, eu ficaria mega curiosa pra conhecer a pessoa que está por trás dos textos que eu tanto gosto de ler. E pra quem curtiu o Gengibre, me adicionem lá, mandem o link do perfil de vocês pra gente se conhecer melhor!

Anúncios

84 Comentários

Arquivado em Comportamento, Eu, Internet, Vídeo

84 Respostas para “Oi, essa sou eu :)

  1. … eu achei vc magra (ñ é ruim!), a voz talvez não comine com vc, descolada e doidinha de pedra!! =)

  2. Diego,
    a voz é descolada e doida de pedra e por isso nao combina comigo ou a voz não combina pq não é descolada e doidinha de pedra como eu sou? hahahaha

  3. hahah a cada vírgula, um ponto e vírgula;

  4. Você é mais legal do que me contaram até hoje.
    E cheia das expressões faciais, fala com as mãos tipo eu e meu irmão que mora em foz.

    E escreve posts longos, o que é ótimo pra alguém que gosta de não querer terminar os textos que lê porque tá ficando muito interessante. Mas eu ainda supero com ser prolixo.

    E as vezes como postador de comentários grandões semi postzinhos também.
    🙂
    Vou fazer campanha pelo seu vídeo. Quero ouvir tudo. Histórias de volta de trabalho sempre são legais, e mais ainda quando quem conta sabe envolver as pessoas na narrativa.

    (ta vendo o que eu falei?)

    ps:mas eu achava que você fosse baixinha, fato. E nada a ver forever fisicamente com o que me deparei na youpix.

    ;*

  5. paulamacedocesar

    Eu achei teu blog porque, por acaso , achei seu perfil no orkut (eu entrei por causa do nome “rebiscoito”) de um amigo de faculdade (o Alexandre, de Brasília! oO) e, pelo “about me” do orkut, achei umas coisas engraçadas (tipo a aflição de umbigo) e outras coisas parecidas comigo. Daí, entrei no teu blog e li um post e adorei e li o resto e quando eu percebi, já tinha lido o blog inteiro. hehe Daí, comecei a acompanhar e tudo mais. Tá até nos favoritos do meu blog.
    Tá, daí, fiquei curiosa pra saber como vc era e tal, porque nem reparei direito quando vi seu orkut e, finaaalmente, fui ver suas fotos do orkut e blablablá. daí, te segui no twitter e tá. fim. É meio stalker eu contando assim, mas isso faz um tempão e foi resultado de muitas noites de vegetação na internet. hehe E é a primeira vez que eu comento aqui, eu acho.
    mas tá, do vídeo: estranho você ver uma pessoa falando e se articulando quando você imagina que ela faça isso de um jeito diferente. eu já sabia que você morava em SP e tal, mas não te imaginava com sotaque, não sei porque. hheuehuh
    tá bem, é isso.

  6. hahaha Henrique!
    finalmente veio ler meu blog. imagino que ainda não tenha lido as histórias loucas mas aconselho a ler. são nelas q vc encontra minha essência.
    essa coisa de escrever ‘comentários grandões semi postzinhos’ é comigo mesmo! hahaha sempre me deparo comigo escrevendo horrores e quando vejo, posto uma bíblia. fico até com vergonha quando meu comentário é maior que o próprio post que estou a comentar. mas acabo achando isso meio bom pq ADORO comentários grandes no meu blog. você será sempre bem vindo pra deixar eles por aqui!
    e bom..adorei conhecer vc! espero q nos tornemos bons amigos na vida real também =D

  7. Paula,
    hahahaha meu, que legal! era isso mesmo que eu queria. pessoas como vc comentando nesse post! vc achou que eu tenho sotaque? de paulista? hahaha poxa, espero não decepcionar as pessoas mostrando como eu sou de verdade. hahaha e olha que engraçado, vc chegou no meu blog super por acaso fuçando no orkut alheio! isso é incrível. sobre o stalkerismo, relaaaaaxa…eu tb sou muito stalker! hahaha mto mais do q as pessoas imaginam 😉 obrigada por comentar, um beijao!

  8. Ander

    Nossa! Eu achava que você era gorda e agressiva! Brincadeira. Mas olha, vou falar um pouco das minhas impressões depois que te conheci melhor e você virou a “Rê, minha amiga” ao invés de só “Rebiscoito”:

    Eu achava que você tinha um jeitinho meio amalucado e isso sempre foi fofo e bonitinho porque gosto de pessoas assim, que desafiam essas convenções em que vivemos e tentam coisas novas sempre. Aí, à medida que fomos conversando, me surpreendi muito com a menina linda e com gostos parecidíssimos com os meus que me abordou um dia na Funhouse.

    Me surpreendi porque descobri alguém sensível, delicada, companheira e que, de repente, virou uma amiga sensacional. Alguém que começou a fazer parte da minha vida, com quem eu conversava sobre tudo e cuja companhia me fazia (e sempre me faz) muito bem.

    Ah, e eu gosto da sua voz! Acho ela bonita (isso, aliás, foi uma das coisas que te falei quando a gente nem se conhecia direito e eu vi seu perfil no Gengibre).

    Enfim, resolvi escrever aqui porque, apesar de te conhecer pessoalmente, eu me surpreendi com a Rê que conheci também! :^D

    Ah, outra coisa legal é que você é meio famosa na internet. E eu sempre quis ter algum amigo famoso. hahaha

    :^*****

  9. ahha, gostei de ver vc!

    Achava vc fosse mais velha, mas na verdade é uma garotinha! hehee fofa!
    Gostei do video!

    Concordo com vc!

    e acho muito legal esses bilhetinhos que vc deixa!

    eu te sigo no twitter e me divirto!

    Besitos e boa sorte!

    Cynthia
    twitter.com/cynthia_st

  10. Viiige! Mas tu é muuuuito diferente do que eu pensava! Tipo… Na minha cabeça, você era mais fortinha, mas mulher.

    Como a gente diz aqui em Natal, você é uma “boyzinha”!

  11. Ander,
    da pra deixar isso como depoimento no orkut? quase chorei. ahahah

    Cynthia,
    sou uma garotinha? poxa, hahaha obrigada. tem gente que é capaz de me dar uns 17 anos mas eu tenho 23. 🙂

  12. Tati,
    boyzinha? hahahhahaha que engraçado, to rindo mto! como as girias mudam de cidade pra cidade…
    boyzinho aqui em sp é aqueles caras ‘mauricinhos’ riquinhos chatinhos de baladas mais caras q me dão preguiça.
    engraçado vc dizer isso…hahaha

  13. Pingback: Twitted by rebiscoito

  14. Liliane Henque

    Vou te falar, que eu sempre tenho uma curiosidade absurda pra saber como é a voz das pessoas que eu leio os blogs, como é o jeito de falar e tal, se mexe muito com as mãos! Gosto de ouvir o sotaque das pessoas, e adorei o seu.
    Achei vc toda delicada na hora de falar, e adorei o seu jeito , poderia ficar ouvindo vc por muito tempo!
    Já que sou melhor ouvindo do que falando, hehe.
    É isso, já li seu blog inteiro, mas acho que é a primeira vez que eu comento! ;D
    Beijooos

  15. mauricio

    ah, eu já te conheço pessoalmente… a diferença foi que primeiro te conheci e depois te adicionei nos breguenaits online. =D

  16. Jolie

    Eu tenho tantas impressões a seu respeito. Tu consegues transmitir alegria, carência, rebeldia, curiosidade…e n sentimentos nas pessoas.
    Me parece que vc quer estar conectada ao mundo…e que ele talvez ainda seja pouco…
    Adoro sua criatividade e não gosto de ver vc em tempos de #mimi…pois fica aquela vontade de afagar…de dar um sorriso amigo… mas estamos tão longe neh!?
    Bem…como ja disse uma vez…te acho linda por dentro e por fora…e nenhum um pouco normal…mas como diria o poeta…”de perto ninguém é normal” , e você faz isso…deixa a gente chegar perto.
    Queria de verdade construir algo além da interatividade online… quero muito ter amigos em toda parte…Espero um dia que você seja um deles.

    Abraço carinhoso…e feliz..
    Bom final de semana

  17. Oi Rê,

    Olha, vc é como eu imaginava mesmo, a típica amiga que eu chamaria para tomar café num fim de tarde, ou pra me ajudar a fazer uma pizza numa tarde de sábado enquanto botamos os bafos em dia, ou pra fazer um luau com outros amigos numa madrugada onde todos estão sem grana mas hiper animados pra fazer qualquer coisa…enfim, acho que deu pra entender…rzz

    Como sou do contra, sabe como te conheci? Pelo Gengibre em março desse ano. Eu tinha twitter mas não usava, tinha blog mas não escrevia, aí conheci o Gengibre, mas não conseguia postar nada (aliás, ainda não consigo, ele não gosta de mim). Então ficava te ouvindo e o Bruno Azevedo tbém. De tanto vcs falarem no twitter, voltei a escrever no meu. Aí fui gostando, conheci um monte de gente legal, mudei um monte de conceitos, renovei minhas ideias e voltei a escrever no meu blog, criei outro blog, reativei diversas amizades que eu havia perdido, ganhei alguns amigos blogueiros q eu acompanho religiosamente e hoje digo que voltei a ser aquele menino feliz e matreiro que eu era antigamente mas que tinha ficado perdido em algum lugar do passado.

    Pq eu gostei de vc e seus escritos? Pq eu tbém sou louquinho, gosto de coisas que os outros normalmente não dão bola, aprecio a simplicidade, a sutileza e a importância de se ter e manter boas amizades. Loucuras como as que você conta em seu blog eu tbém já fiz muitas por aí, e isso deixa a vida um pouquinho melhor, já que infelizmente ela tem seus desagravos. Então me inspiro muito em você, sem querer vc acaba ajudando a gente com sua maneira deliciosa e divertida de escrever.

    É isso, acho. Agora me diga qual a impressão vc tem de mim…rzz 9 em cada 10 dos meus amigos tem a seguinte primeira impressão: “É alguém esquisito”…hahahaha E o que sobra é da turma da Regina Duarte: “Eu tenho medo!”…hahaha 😛

    bjão

  18. Eu quase nunca comento, mas eu sempre leio seus posts quando vc posta o link no twitter.
    E como eu já te conheço pessoalmente, vou dizer oq eu acho do seus textos e do seu blog rs

    Eu adoro o jeito com vc escreve, de verdade, olho o tamanho do texto e msm q seja grande não tenho preguiça nenhuma de ler até o fim. Acho realmente q vc deveria se empenhar em escrever um livro! eu compraria!

    Tbm tenho vontade de saber mais sobre as pessoas q eu cruzo nos lugares, falar tipo “Oi, que bom vc tbm está aqui junto comigo nessa aventura chamada vida!!” hehehehehe mas não tenho a coragem q vc tem de colocar em prática, admiro isso!

    é isso 🙂

  19. eusouvoceamanha

    Poxa Rê,

    Não sei se você se comunica muito bem ou o quê, mas eu imagino você exatamente como a pessoa que aparece no video. O post chega a ser quase redundante já que você mostra tudo (ui!) o que é na maioria das vezes. Só não mostra o que não gosta.

    Você expõe naturalmente as suas qualidades: é fácil ver que é muito inteligente, falante, divertida, sincera e ligada com as pessoas, não com outras bobagens do mundo.

    Beeijo ;*

  20. Liliane,
    era exatamente essa intenção ao escrever esse post! Mostrar pras pessoas como eu sou ao vivo, sem estar escrevendo. Legal que vc tinha realmente essa curiosidade! Engraçado tb o povo falando do meu sotaque, hahaha pq pra mim eu não tenho sotaque! Você é de que cidade? Um beijao!

    Jolie,
    que delícia foi ler seu comentário. Você citou uma coisa, que um outro leitor já me disse que é: eu deixo as pessoas chegarem perto. sou acessível. E isso é muito importante prum blog dar certo. De que adianta escrever uns textos bacanas se vc não ta presente fora deles? Não interage com ninguém? Aliás, pelos assuntos que trato no blog, não teria O MENOR SENTIDO eu ignorar as pessoas né hahaha. Obrigada pelo comentário, gostei muito!

    Ritinha,
    que ótimo! Nem sabia que vc lia meu blog. Fiquei feliz pq vc é uma pessoa que eu admiro pra caramba, obrigada 😀

    Gui Lopes,
    finalmente alguém que me imaginava exatamente igual! Até agora, a maioria me achava diferente hahahaha
    cara, que demais..to adorando isso, as pessoas realmente tão vindo aqui falar oq eu queria 🙂

  21. adorei o vídeo… bjus sumida!

  22. Joao

    Eu ja te conhecia antes, entao nao vale, heheh
    E ainda ta copiando minha ideia do blog q nunca escrevi (descobri que sou um péssimo escritor, =P).
    Vc é exatamente como se descreve no texto, uma garota meio espoleta, cheia de ideias diferentes e interessantes, é sempre bom discutir com vc pq sempre vem algo bizarro que eu nunca pensei, mas que realmente pode dar certo. O melhor é que vc nao tem medo de errar, de se arriscar, é sempre melhor se arrepender do q fez do que nunca saber se valia a pena.
    O videozinho me deu saudade das poucas noites de Augusta que renderam boas historias. Tenho que visitar SP de novo, hehehe.

    Bjao!

  23. Rubens,
    hahahaha uau! nem imaginava como vc tinha chegado até mim, bom saber que eu te ajudei a reviver sua vida virtual e consequentemente mudar sua vida real! Bom, comecei a te seguir no twitter agora então ainda não tenho tanta idéia sobre como vc é pq não te li muito. Só o que sei, é que vc é muit o querido e é alguém que ta sempre lendo meu blog, interagindo comigo no twitter e isso é muito gostoso. Você se mostra uma pessoa querida e atenciosa e isso pra mim já basta. Pessoas que tem a sensibilidade de entender a sensibilidade q eu vejo nas coisas, já ganham meu coração de primeira! [deu pra entender ou ficou confuso?] ahhaha um graaande beijo!

  24. saudades de comentar por aqui.
    como vida anda muito ocupada, faculdade de manhã e trampo a tarde até as 09: 00 da noite, às vezes. perco de ler essa delícia de blog.

    e realmente, por que as pessoas precisam de um motivo tragíco pra manter o primeiro contato? por que armar barreiras/muros/serca de proteção [rs] para com a pessoa que vc vê todo dia?

    agora fugindo um pouco disso, mas nem tanto assim, eu queria entender o por que de quando um relacionamente amoroso entre duas pessoas se acaba, às vezes um não olha mais na cara do outro? o que rolou, não significou nada mais? é estranha pra mim, eu não consigo apagar as pessoas assim da minha vida, ainda mais quando ela esteve tão próximo de mim e de minha vida.

    ps: vc realmente é linda e tem uma voz doce.

    beijos, reê.

  25. diasemcuritiba

    A Renata é a stalker de anônimos mais fofa que eu já vi. Aliás, nunca conheci outra pessoa assim – isso já a define. :o)

  26. Olha que coisa louca, eu te conheci no aniversário do Bruno, até te chamei de menina do ônibus, porque você pegava ônibus comigo… Ele falou tanto de você que comecei a te seguir no Twitter e entro no seu blog de vez em quando. Adoro o blog, adoro o Twitter!

    Aí ontem eu te vi no ônibus de novo, depois de meses. E aí eu já sentia que te conhecia, sabe, como amiga? E você pegou o mesmo ônibus que eu na ida e na volta. E aí eu fiquei com vergonha de ir falar…e pensei, olha, ela realmente não foi no cinema hoje…rs
    Coisas de Twitter.

    #aiquevergonha

  27. Nunca comento por pura preguiça U_U mas como ví que você não se parece em nada do que imaginei tive que comentar né?

    Não sei porque mais pensava que você era tipo a amelia poulain. Cabelo curtinho baixinha e não sei porque mas pensava que fosse loira. Sei lá loiras que puxam conversas aleatórias e tal.

    Engraçado ver que você é o tipo de mulher comum. Pensava em um rosto mais exótico. Mas você é o tipo de pessoa que a gente vê e não se intimida, não é o tipo “mulher propaganda de cerveja”. É mais mulher do tipo “comercial da boticário”.

    Já ouviu falar de leitura gestual? Se o vídeo não é uma interpretação. você aparenta ser o tipo de mulher pra casar e ser feliz.

    Prefiro assim, antes os textos que me fascinavam, agora é você.

  28. Liliane Henque

    E eu adorei a intenção do post, é bom conhecer melhor as pessoas, além do que elas escrevem!
    Então eu sou de Taubaté, interior de SP, e falei do seu sotaque, pq o pessoal daqui puxa um pouco o R, hahaha, e quando pessoas de outra cidade ouve a gente falando acham muito engraçado, eu particularmente não gosto do meu sotaque… hehehe
    Beijos

  29. Nossa! Vamos lá! Também é a primeira vez que eu comento e sempre leio seu blog!

    Bom, eu te “cruzei” quando o Guilherme do Papo de Homem, mandou o link do seu texto do Vizinho no Twitter. Aí entrei, comecei a ler seu blog e me vi bastante em vc, de quem faz umas maluquices, que adora gente! Nossa, eu também adoro gente! Mas a diferença é que vc consegue escrever suas histórias de forma engraçada e leve e eu não consigo fazer muito isso quando eu imagino que algumas pessoas possam ler aquilo!

    E vc mexe com as mãos quando fala… e sorri também! É fácil sentir empatia por pessoas assim! Vc deve ser alguém que todo mundo gosta, mas que quase ninguém te entende direito… e pra não ter que explicar diz: ai, é doida mesmo!

    E acho que essa coisa da proximidade, de ser acessível, as pessoas acabam mostrando quando são e quando gostam disso. Estabelecem uma abertura… e vc também parece ser uma pessoa humilde, que gosta de escutar e que aceita o que as pessoas te falam.

    Bom, como eu te imaginava… nossa… que difícil! Eu te imaginava mais desengonçada, meio desproporcional… no sentido de ter uma aparência engraçada… como se tivesse saído de um gibi! 🙂 Mas vc é delicada e bonita!

    Ah, acho que é isso… rs…

    Aproveito pra dizer que eu adoro seu blog e o jeito que vc escreve!

    Beijos
    Mari

  30. Tá, já que vc quer respostas aqui vai a minha

    (que com muito custo te dou, mas como acho que

    vc pode entender minhas esquisitisses lá vai,

    pq eu mesma não entendo direito meu interesse

    por vc) eu achei seu twitter no twitter de um

    amigo, fui com a cara dos seus óculos fundo de

    garrafa (pq na época meu avatar era com óculos

    fundo de garrafa tb) e achei que poderiamos ter

    algo em comum. Acabei descobrindo que o que

    tinhamos em comum era o amor pela arte e que vc

    é o meu lado oculto, ao contrário de vc não

    gosto muito de interagir com as pessoas, tenho

    só 3 amigos, todos mega nerds como eu e todos

    homens anti-sociais, gosto disso, mas sinto

    falta daquela amizade de menina sabe?

    risadinhas, falar sobre meninisses…e

    acompanhar vc era como reviver a época que eu

    era…que eu era…como vc, super sociável,

    alegrinha e tagarela. Gosto da maneira que vê

    as coisas, é diferente da minha, vc atenta pra

    fatos cotidianos, pra relações pessoais, eu, já

    procuro a razão filosófica intrinseca de tudo,

    o sentindo ou a falta dele, raramente olho pras

    pessoas como indivíduos, eu olho pra massa como

    um todo, e no meio dessa massa por algum motivo

    misterioso pra mim, vc se destacou, vc é atual

    e interligada (tem twitter, blog, gengibre(?),

    e deve ter outras mil coisas internéticas que

    eu nem sei que existem) é engraçada e

    tals…tipo, eu tomaria um café com vc (não me

    pergunte por que, afinal eu procuro sempre me

    afastar, não me aproximar das pessoas) é isso,

    até mais incógnita do meu explorer!

  31. Nossa, Rê, a sua voz não tem anda a ver com o que eu achei que era.. rs. Mas td bem, combina com vc, eu acho.. =)

    Ah, e eu quero ver o resto do vídeo! =) (Posso?)

    Beijo,
    Deh
    http://www.twitter.com/nofuba

  32. Fabi

    Acho que seria interessante falar do caminho contrário.
    Eu primeiro te conheci pessoalmente, através de amigos em comum e conversamos pouco… E um pouco mais em outros momentos. Já sabia como vc era, como vc se expressava, como se vestia, sua altura, sua voz, seu jeito. Mas não sabia oq vc pensava. Lembro que fui procurar oq era twitter depois de um comentário seu naquela noite incrível no aniversário do Calçada. E depois de um certo tempo entrei e comecei a te seguir!
    E atravéz do twitter conheci seu blog e sim, sempre q posso eu leio seus posts.
    Foi então que a pessoa que eu conhecia só a casaca passou a ter recheio! E um recheio divertido, que me surpreendeu muito positivamente.
    E é isso!
    O post se refere as pessoas que te liam mas não te conheciam…Eu conhecia e, ainda assim, não te conhecia, passei a conhecer somente depois de ler. E isso transformou a forma como eu te via. É, eu sou confusa.rs

    Beijinhos
    Fabi

  33. th4y

    eu achava que você era assim mesmo, porque já tinha te fuçado eterno no orkut e no flickr (que nem você lembrava o nome) – é, outra stalker aqui, cuidado.
    mas primeiro te achei pelo twitter, por acaso, nos following de uma conhecida. li vários tweets, gostei, dei um follow e vi o blog na bio. li o post mais recente e quando me dei conta já tinha chegado no último.
    me identifiquei totalmentalmente, por também colecionar ‘desconhecidos íntimos’ e pelo seu curso E faculdade, que é mais ou menos o que eu quero. adoro ler as histórias dos posts e sempre vou até o final. pretendo fazer o rebisbrownie e entender esse seu negócio com máscaras de animais e as bolinhas no olho.
    aliás, vc também é meio que uma ‘desconhecida intima’ pra mim, né. que eu sei “tudo” sobre, mas nunca parei pra ‘interagir’. sei lá por quê nunca comentei por aqui.
    acho que até ficou meio confuso tudo que eu falei, porque também penso mais rápido do que me expresso e me atrapalho pra concluir idéias, então beijo!

  34. Joao,
    hahaha fofo! Super quero que vc venha logo pra sp de novo ❤

    Fabiano Carlos,
    poxa, vc totalmente fugiu do assunto mas entrou em outro que me interessa bastante. Nós nem conversamos muito geralmente mas imagino que se conversássemos, nos daríamos super bem! Tb não entendo como alguém pode terminar um relacionamento e simplesmente ignorar a existência de outra pessoa. O último cara com que tive um relacionamento, era assim: não falava com as ex namoradas por escolha própria. Pra ele não fazia sentido falar com elas se terminaram. Tipo, como assim? Chegou até a passar pela minha cabeça a gente namorando e dps do término eu ficando triste pela distância. Bom, acabou nem rolando nada mais sério [talvez até ainda bem] mas acho que se tivesse rolado, eu, do jeito que sou, não deixaria isso acontecer. Sou super amiga do meu ex, ele me liga pra contar as coisas e eu conto as novidades, ficamos felizes um pelo outro e td mais. Já o meu primeiro namorado, com quem eu perdi a virgindade [e ele tb] depois de um tempo me apagou da vida dele. Vivemos uma linda historia juntos e hoje, ele finge que eu não existo. Um dia até encontrei com ele e disse: gui, vc nao acha ridiculo o fato da gente não se falar? tipo..até a presença um do outro é constrangedora, sabe? mas se ele prefere assim, acho triste mas respeito. Ufa, ahahah tcho parar de falar! só quis mostrar q tb nao entendo isso. um beijao!

    Vivian,
    adorei seu blog, vou depois pegar um tempinho pra ler com mais calma. E poxa! Como assim vc não falou no ônibus comigo? eu fico sem graça pq tb te conheci mas sou meio ruim em reconhecer as pessoas e lembrar de onde elas são. Até reclamam que me acham metida mas não é metida é…tapada mesmo. ahhaha e depois do twitter, isso de sentir que é 'super amiga' de alguem q vc nao conhece, se tornou totalmente presente na minha vida. ahhaha beijoss

    Paulo Victor,
    nossa! que lindo tudo isso q vc falou…no começo tava receosa enquanto lia mas dai vc acabou com "você aparenta ser o tipo de mulher pra casar e ser feliz." que sensacional falar isso. Nunca imaginei que alguém poderia pensar isso de mim. isso foi muito bonito! e fiquei muito feliz ao ler as coisas q vc disse. Comente sempre que quiser viu? Se tiver preguiça de comentar, eu entendo. ahhahaha obrigada!

    Liliane,
    sei bem o sotaque, meu pai morou um tempo em Caçapava! hehehe

    Marie,
    hahahaha que bonitinha, obrigada. Você citou o sorriso, e isso eu acho incrível. Incrível como um sorriso abre portas. Eu acho que uma pessoa que sorri é muito mais acessível e deixa muito mais a outra pessoa a vontade em qualquer situação. Gosto de sorrir até pra pessoas que não me tratam tão bem pois sei q lá no fundinho, eles se sentirão mal por terem me tratado mal e serem tratados bem em troca. Enfim…Acho que vc pegou coisas sobre mim que eu super concordo que tenho 🙂

    Debora,
    eu tb quero muito ver o resto do video. ele ainda não ta pronto mas assim que tiver vou postar aqui no blog =D

    Th4y,
    hahahaha mesmo sendo confusa que nem eu, acho que deu pra entender sim. hahaha Depois que fizer o Rebisbrownie, me conta se ficou gostoso ta? um beijao!

    ps. uau, muitos comentários pra responder! hahahaha se o seu ainda não foi respondido/autorizado, aguarde que responderei! é que to no trabalho e nem imaginava que bombaria tanto!

  35. Sigo vc no twitter e não conhecia seu blog, até agora.
    Achei vc diferente do pouco que eu via no twitter, mais bonita e magra.
    Vc parece ser uma ótima pessoa. Vou passar com mais frequência por aqui=D

  36. Mel

    Eu não lembro como cheguei aqui, só sei que sempre apareço… acho que foi um comentário da Intense no twitter… ou algo do tipo.
    Foi na época do caso do bunitão do elevador… adorei o lance dos bilhetinhos, eu adoro isso, mas tem uns que eu mando e não recebo resposta =/ faz parte né…
    Quanto ao seu eu…o vídeo e tudo mais, acho que era mais ou menos como imaginava mesmo, só com com mais carinha de menininha… parece que em outras fotos do twitpic por exemplo você tá mais mulherão do que no vídeo.
    Sabe, preciso criar o abto de comentar nos posts que eu leio, é que as vezes me sinto meio intrusa… apesar de adorar quando recebo comentários lá no blog… aproveitando vou te linkar lá.

  37. Vc é estranha. Massss… Eu já te conheço, então não vale. =)
    Já disse que me divirto contigo.

  38. Daniel

    vc é muito gata, inteligente, pra frente, tem iniciativa… just my smile 4u!

  39. Marina

    não lembro como te achei, mas foi no twitter. depois li suas histórias no blog e adorei esse seu jeito de criar relações com pessoas que convivem com a gente mas que não conhecemos. e pelos textos te achei muito fofa.
    me divirto com suas histórias e sempre penso que seria muito legal fazer isso, mas sou tímida demais, preciso criar coragem haha
    quando vi fotos suas a primeira vez também pensei “nossa, ela é magrinha!” haha acho que é por causa do seu avatar no twitter. ah, outra coisa que eu gostei quando vi seu perfil a primeira vez foram as bolinhas no olho. achei fofo!
    enfim, mesmo sem te conhecer já gosto de você! e gostaria de algum dia te conhecer pessoalmente
    beijos

  40. d_ab,
    ‘mais bonita e magra’ hahaha ainda bem, obrigada! passe sempre por aqui sim 😉

    Mel,
    você manda bilhetes e nao recebe resposta? poxa, que triste! hahaha mas..comente sempre quando ler. eu adoro ler os comentários! quando leio posts nos blogs alheios, acho quase que impossivel de nao comentar..e muitas vezes meu comentário acaba saindo maior que o proprio post comentado hahahaha!

    Daniel,
    te digo que lendo seu comentário também abri um sorriso então, dedico a você!

    Marina,
    acho engraçado quando as pessoas dizem que eu sou fofa pq eu sempre achei que se tem uma coisa q eu nao sou na vida, é fofa. mas sei la, nao é algo ruim..talvez eu seja mesmo meio que sem querer. hahaha e poxa, vc é de sp? apareça nos eventos do twitter tipo youpix, twestival..Sempre to neles e a gente pode se conhecer!

  41. Acabei de conhecer teu blog e te conheci junto. Agora perdeu a graça o jogo de adivinhação, pô :p
    Pelo visto, você é bem querida. Posso te dizer que eu falo mais rápido que você e pareço mais agitada e ensandecida. Você pareceu uma garota bem inteligente e criativa, mas, na minha opinião, você fala numa velocidade normal.
    Vou ler teus posts, depois te falo as minhas impressões. Beijos.

  42. Eu cheguei neste “About me” atraves de um tweet de alguém (não me lembro HAHA). Adorei o vídeo, seu jeito “doidinha de pedra” e te achei muito simpática. É tão estranho falar isso pois eu nunca te li. Curiosidade mata, então, vou ver o que tu escreve agora 🙂

  43. Na verdade eu tinha vontade de saber como vc era, mas era um curiosidade que não era pra ser revelada! sansjanjisnasa

  44. Daniela,
    é, acho que a velocidade que eu falo é normal mesmo. O que é rápido demais, são meus pensamentos, daí eu penso e quero falar ao mesmo tempo que penso e as vezes acaba saindo tudo confuso e misturado. hahaha

    Alice,
    poxa, acho que eu entendo o que você diz. É tipo ler um livro e fazerem o filme do livro né? Geralmente o personagem nao tem nada a ver com o que vc imaginava e estraga tudo! Droga…Espero não ter decepcionado tanto hahaha e espero que vc continue lendo meu blog, que não tenha perdido a graça! hahaha um beijao

  45. tenho certeza que nos daríamos bem, mesmo. vc é uma pessoa especial.

    eu não entendo, mesmo.
    fica uma deixa pra um próximo post seu, né?! rs*

    beijos.

  46. De primeira imaginei que a Rebiscoito fosse melhor no Isketch (mentira, ela me ganhou todas as vezes que a desafiei). Mas acho que o primeiro contato foi via twitter, e de la percebi que ela tinha um blog, e tambem um dos melhores blogs de historias pessoais, grande parte por ela mesma fazer essas historias pessoais serem interessantes, parte por ela ter um grande desprendimento social e parte por ela parecer ser legal pra caraio (nao a conheco mas deve ser mesmo).
    Sempre acompanho o blog quando percebo que foi atualizado, e eu sou um dos preguicosos que nao comentam.

  47. Camila (@CVisentainer),
    uau, seu comentário foi um dos mais exóticos! Eu sou tipo vc quase que ao contrário mas meio que igual, né? Também não saberia explicar direito mas acho que entendi e me parece muito interessante. Jura q vc era toda socialzinha e parou de ser? pq? aconteceu alguma coisa pra vc se fechar ou..sei la? é estranho isso. se tem algo que eu realmente tento nunca fazer é tratar pessoas como um grupo especifico. generalizar. gosto sempre de ve-las separadamente, cada uma com sua peculiaridade e graça. bom..da super pra perceber isso por aqui né..hahaha

    Fabi,
    não ficou confuso não e eu adorei seu comentário fazendo o caminho contrário! hahaha sempre tive grande apreço por você, desde que nos conhecemos e não sei ao certo pq…gostaria até que tivéssemos mais contato! um graande beijo :**

  48. Beto Gomez,
    to adoraaaando que os que nunca comentam pelo menos estão comentando agora! Ta dando super certo a intenção do post, achei que a galera poderia achar meio egocentrismo mas..putz, que bom que não! e sobre o isketch..precisamos jogar mais heim? faz tempo que nao jogo, talvez esteja enferrujada e vc possa me vencer 1 vezinha pelo menos. haahah

  49. não que eu achasse que você usasse óculos de fundo de garrafa de verdade… mas realmente te imaginava com um olho maior (talvez porque o óculos fundo de garrafa tenha aumentado seu olho mesmo… dur)

    mas sou dos que não te imaginava tão magrinha e menininha ^^
    a única coisa que sabia é que era uma pessoa que posso dizer que é de bom coração, e dá valores para as coisas que as pessoas esquecem de dar valor. e você fala sobre isso sem medo de ser feliz, é verdadeira. isso foi um ponto forte pra eu gostar e te achar interessante.

    agora, como eu vim parar aqui foi simples: vi que você tinha muitos amigos do camiseteria e fiquei curioso de saber quem era a tal guria [não participo ativamente de lá há um tempo, então pensei que era uma cara nova no site] e às vezes via seu nome no twitter deles. como garimpo e fuço tudo na net, e eu gosto muito de fazer isso, porque assim que achei a maioria das coisas legais que guardo hoje na net, fui parar no seu blog. demorou pra eu voltar e comentar, mas já tinha curtido. mas realmente, acho que era essa questão do muro, que você falou. eu tenho bloqueios, receios, timidez em relação ao que a pessoa pode achar, comentando, ou interagindo com ela. por isso admirei a atitude de você fazer isso facilmente, ainda mais dentro dessa cidade! acho que as pessoas devem abrir mais o coração pra outras mesmo. isso é uma das coisas que eu compartilho da sua opinião 🙂

    falei muito mas acho que falei o que você queria saber, do que as pessoas pensam de vc.
    pensando agora faz sentido que vc tenha tido contato com o camiseteria, já que você é designer. um dia, gostaria de conhecer seus trabalhos 🙂

    beijos!

  50. Ana Claudia - Choppete

    Reeeeeeee!! Hahaha, meu comentário não vale, te conheço desde que eu ainda tava na barriga da minha mãe!!
    Mas adorei o video! Adoro esse seu jeito extrovertido e meio louquinha!!!
    Que saudadeeeee de vc! Espero que esteja tudo bem por ai!!
    Aqui na Espanha, tudo lindo hehe! Logo logo, novidades!
    Bjaoooo =)

  51. Achei muito massa a iniciativa de dar um “reboot” no conceito que as pessoas possam ter sobre você. A apresentação do post ficou muito massa. Não sei se sou só eu, mas eu também falo muito, e gosto de pessoas que falam muito e rápido! =D

  52. Eu já ouvi essa história ao vivo. Lembra? Mas fiquei curioso pra rever o final. 🙂

  53. Danilo k.,
    vc chegou até mim através do Camiseteria, noooossa! nunca ia imaginar isso. hahahaha eu tenho o perfil la ha anos mas nao uso..mal entro. conheci o pessoal de la aleatoriamente em eventos de design mas nunca participo ativamente do camiseteria mesmo…muito legal oq vc disse, essa questão do muro é grave..incrível como algo idiota como a batida do ônibus num carro, faz o muro se quebrar totalmente..mas poxa, pq tem q ser isso né? geralmente quando a gente da um sorriso e faz algo positivo pra outra pessoa, ela recebe super bem e o muro é quebrado. ou pelo menos um pedacinho dele, sei la…acho que minha missão na vida é quebrar o muro de todas as pessoas! haahha brinks.
    bom, sobre meus trabalhos..tenho um flickr q nao atualizo taaaaanto mas se quiser ver: http://www.flickr.com/rebiscuit … um beeeijo!

  54. Rodrigo Amarante

    oi… achei muito legal seu blog, eu criei um blog há dois dias e começei a olha os blogs que aparecem na primeira página do wordpress e achei esse aqui, achei muito legal, e achei que temos, tipo, muita coisa em comum sabe, um exemplo> pensar mais rapido do que conegue escrever e ter que revisar as coisas que ficaram confusas, se der da uma passadinha lá no meu blog XD. eu conheci ontem esse blog (23/10)… achei super legal, o geito que vc escreve, e esse post tbm. Falando do vc, isso é muito legal!
    bjs e se dar visita meu blog:

    http://worldrodrigo.wordpress.com/

  55. Olá, bom… eu te digo que realmente não sei como cheguei até aqui, mas comecei a ler e não parei… devo dizer que foi bacana ver que não sou o único “estranho”… tanto na parte de passar as idéias no papel e revisar, dos pensamentos em que a fala teima em não acompanhar, da empolgação de contar algo e acabar se perdendo ou se deparar com os rostos das pessoas com aquela interrogação na face se perguntando “- O que foi que ele disse?”…

    Yep, passarei aqui quando puder.

  56. Jackz

    Bom, respondendo, pelo menos em parte a sua dúvida cruel, cheguei aqui pelo wordpress…Li 3 post [além desse] e adorei a forma como você se expressa, ví o videozinho e…Nossa, que fissura por comunicação…haha..mas digo isso “positivamente”, também penso que as vezes nos expressamos de forma “estranha”, como se nossos mundinhos fossem melhores ou mais importante do que o Mundo real, e acontecimentos (tipo o acidente) nos “acordam” momentaneamente para isso. Bom li uns comentários e me passou uma idéia de que você “se considera estranha”, seila, acabei de chegar no blog não posso falar muita coisa, mas te achei descolada com um estilo de VJ da MTv e como li os posts depois desse “mini-vídeo” meio que imaginei você falando os textos [bizzaro, mas eu faço isso =O] tipo, achei que “combina” contigo essa forma de escrita.
    Resumindo a senhorita acaba de receber mais um “comentador” por aqui, comentários nos dão um feedback sobre nossas ações e quando existem conteúdo nessas ações o minimo que podemos fazer é comentar.
    Tenho que dar meu braço a torcer e dizer que adorei o blog, mesmo eu sendo da galera que não vê blogs como diários… seus textos são meio que viciantes =O #prontofalei

    Bom é isso então!
    Sempre que eu puder passarei por aqui .

  57. Jackz,
    eu também adoro ler as pessoas e tentar imaginar elas falando. é bom quando as conhecemos e sabemos como elas falam! hahaha
    vou mandar meu video pra mtv, quem sabe me contratam? hahaa brinks, um beijao! e comente sempre sim pq eu adoro =D

  58. nha. você me conhece. kind of. dia desses eu estava me perguntando o que eu faria, no dia em que eu te conhecer…pessoalmente…ou te avistar, enfim. acho que eu NÃO iria te abordar. hahaha. que caipira! medo de ser inconveniente, sabe…sei lá.

    …e sobre isso de você falar com as mãos, me faz lembrar minha madrinha; que é italiana, tagarela e fala muito com as mãos. eu digo que, se eu amarrar suas mãos, provavelmente ela ficaria muda. serve pra você também! hahaha :p

  59. Só conversei com a senhora no meio da confusão do twestival… foi bem pouquim, mas fiquei com uma ótima impressão e com gostinho de “quero mais”!

    E agora entendi direito o lance dos bilhetinhos… sempre tive a mesma vontade, mas nunca tive coragem (e não tenho. bleh! 😛 )

    Um super abraço e fui lá votar no vídeo,

    tio .faso

  60. Interessante vc ter feito isso…bem legal!!

    Pela forma q vc escreve eu já imaginava q vc fosse assim…bem conversadeira!
    Sem contar q vc fala mto com as mãos…como o pessoal falou acima!!

    Matei a curiosidade!!! =P

  61. Nossa,imaginava vc baixinha,bem pequenininha e com óculos bem grandãoo!!rsrsr Te imaginava como essas pessoas pequenas e com um sorriso maior do que a cara!!! =o) Adoro vir aqui e ler suas histórias,quando crescer quero ser igual a vocÊ!!!!rsrsrs Bjuuss e SUPER parabéns!!

  62. Beca

    Nossa, te adorei! rs Mó sotaquezão de paulista (eu sou do Rio), parece ser simpática, bonita e engraçada! Ah, fora o doida, claro. =p

  63. Vanessa V.,
    te conheço, hunf… conheço nada! semana passada no youpix dei oi pro pessoal q trabalha com vc e achei que uma das meninas poderia ser vc e fui falar mó feliz mas FON nao era. hahaha e se vc um dia me vir na rua, trate de falar comigo heim? coisa feia!

    tio .faso,
    uaaau, você por aqui, que legal! te conheci naquele dia e adorei o seu trabalho, vc é uma das pessoas que conheci através do twitter e admiro bastante! que bom que curtiu, obrigada por comentar 🙂

    Junior,
    sabe que não tinha reparado que falo tanto com as mãos? hahaa achei meio ridiculo mas ok.

    Aline,
    Jura que achava tudo isso de mim? hahaaha agora vc viu q sou beeem diferente né. hahaha orbigada querida!

    Beca,
    PAULISTA NÃO TEM SOTAQUE! hahahaha geralmente paulistanos falam isso mas devo reconhecer que temos sim. Principalmente depois que surgiu o Boça da mtv, hahaha ele imita mto bem os paulistanos. claro, totalmente caricato mas…devemos admitir que temos sotaque sim! hahaha valeu pelo comentario 😉

  64. Flavinha

    Biscoito *my flavored friend de quarta-feira*
    Vc é um Biscoito Wafer sabor Churros… E ficaria muito bem fantasiada de Wally *do “Onde Esta o Wally”* com aqueles oculos da foto do twitter!!! =0)
    Nhá, ok… o comp ta pifando… prometo algo mais poetico/sentimental/profundo num proximo post!

  65. Te sigo no twitter, escuto seu gengibre e leio seu blog. Acho muito legal quando as pessoas buscam interagir com seus leitores…

    Continue assim.

    Bjos

    PS: Bela voz.

    😉

  66. Adriana

    Aaah, adorei!
    Gosto muito desse negócio de se auto-descrever. É bem complicado, na verdade, mas é muito bacana!
    Já fiz isso algumas vezes só por diversão ou uma tentativa de me enteder melhor até.

    Hummm… Conheci você pelo blog mesmo mas depois achei seu twitter, por acaso. Aí te segui (@dricecchi) e vi algumas fotjenhas suas no twitpic, mas mesmo assim imaginava você desse jeitinho mesmo.
    Descolada e descontraída! Baixinha eu imagino, é mesmo? Hehehe…

    AH! Tenho uma conta no gengibre mas nunca usei, sei lá porquê… Deve ser receio de ligar o microfone e falar, simplesmente falar. O seu é mega divertido!
    O seu jeito de falar é bem parecido com o meu, além da voz, as interrupções de assunto pra falar outra coisa, uma observação, sabe?
    Engraçado isso 🙂

    Beijocas!

  67. Bia

    Meu, eu já falei uma vez pra vc no orkut…
    Vc salvou meu dia com o lance de gravar falando com o gás da bexiga na boca!
    Sério, ri muito daquela bobeira hahaha

  68. Olá Rebiscoito FINO : O) dessa maneira já apelidando parece que acompanho voce faz tempo. ..Mas não é verdade, faz 10 minutos que encontrei seu flickr de mini-livros, 5 minutos twitter, 2 minutos o wordpress e me deparo com seu post de apresentação, ahh gostei, muito educadinha voce \o/
    Como quer saber o que as pessoas acham, vou tentar ….. começando.. – Fina, não de magreza ( até porque que diabos as pessoas tem haver com o porte fisico do outro não é?) e sim de graciosa, eheh gostei muito do video <D ; – Talentosa; para desenhos e textos, ôô; – Bem Humorada, isso é importante demais; e …..não sei o que mais dizer, só faz 15 minutos que te achei, não vou ser injusto e tambem nao quero achar defeitos L) kkk
    Bem, tira as coisas feias da mensagem sobra você.
    Logo vou acompanhar seu twitter, e de lá mando a revista meio boca que faço.
    Grande beijo.. boa sorte na sua busca por impressões.

  69. Adriana,
    ah que fofa! queria te ouvir no gengibre já q falou q nosso jeito de falar é parecido. posta posta posta e me manda? hhahaha

    Marcelo,
    hahaha que legal, aqui tem impressões de pessoas de todo o tipo! vc por exemplo, acabou de me conhecer. outros já me lêem faz tempo. outros me conhecem pessoalmente e oooutros, me liam e dps me conheceram. enfim, que legal! ahahaha

    Bia,
    pega na minha teta e balança! hahahaha

  70. Letícia

    adorei ! 😀 nova leitora*

  71. oi sou a margarida ainda ninguem me conhece

  72. André Luiz

    Ei Renata, eu sou mais um entre milhares de fãs que você tem! Um grande abraço e muito sucesso pra ti, continue blogando e contando suas histórias pra gente. Não perca esse humor e carisma! Eu sempre fiquei curioso e tentava imaginar como era a tal Rebisco hoje consegui matar a curiosidade com o seu video.

    Grande abraço

    André

  73. Cai de paraquedas nesse blog e achei sensacional. Você é muito autêntica. E adorei o vídeo! Penso igualzinho. As pessoas hoje em dia estão cada vez mais “bicho do mato”. Ninguém fala com ninguém.

    Parabéns pelo blog. :-]

    bj

  74. Kenya

    Então eu meio que ja venho acompanhando suas histórias um tempo,vai me achar estranha,sou normal ta asuassauh achei mtu interessante seu blog,vc é autentica.
    E amei seu video,acontece algo parecido comigo pq todos os dias pela manha pego emtro com as mesmas pessoas e eu fico imaginando um pouco pela roupa e jeito o que elas fazem.enfim,parabéns pelo blog

  75. PUTZ! legal isso… eu tinha perguntado ao twitter… Quem é @rebiscoito até pq te sigo a mesessss no twitter por indicação de meus melhores amigos @yukiominami e @fsabino e realmente sempre achei interessante as postagens e cia… mas eu parei para me perguntar quem era de fato, pois acho estranho ficar lendo dia apos dia o que as pessoas escrevem em pensam sem nem saber quem é… Parabéns e obrigado por sanar minha duvida…

  76. Deh Vida Marciana,
    hahaha que legal que você comentou! Eu meio que fiz um spam propício pra pergunta, nem achei que vc fosse olhar direito. Sanei sua dúvida então? hehehe que bom que deu certo. Um beijão e…Volte sempre =D

  77. Hello,

    A maneira que eu vim parar aqui acho que foi a mais away ever (ou uma das mais). Foi um dia que tudo de maluco que podia acontecer, aconteceu (mas isso é outra história maluca). A noite nesse dia fui parar numa baladinha com umas amigas e lá encontrei com o Jreige. Nisso ele comenta: “ah, vim com um pessoal ” nisso quando ele falou ‘rebiscoito’ eu: que? Biscoito? (e achei isso bem curioso).

    Days later, lembrei do “biscoito”, entrei no twitter, dei uma fuçada, vi o blog já pensando que era outro blog do tipo “diary of my boring life”. Pelo contrário, achei bem divertido a maneira que vê e fala sobre as coisas, as vezes até as mais simples. Fiquei várias horas lendo os posts e achei bem divertido. Dai, passei a entrar de vez em quando aqui, alguns posts “makes me smile”, acho que já vale a visita.

    And that was it.

  78. Gus Fune,
    bem interessante mesmo a maneira que você chegou no meu blog. Por isso sempre gosto de perguntar pras pessoas como elas chegaram aqui! Só não entendi por que seu amigo falou de mim na balada. Eu estava junto? O conheço? Não me lembro de nenhum “Jreige”, hehehe. Mas fico feliz que você não ache que meu blog é “diary of my boring life” pq era exatamente isso que eu achava que as pessoas fossem pensar quando eu criei ele. UFA! Consegui fazer diferente.
    Um beijão!

  79. Rê,
    Hahaha, acho que conhece sim, pelo menos da galera que tava lá eu conhecia o @gustavojreige e o @skateonrails, e outros que não lembro o @s agora.

    Tinha uma galera grande junta lá, acho que devia estar junto, i dunno, não fazia idéia de quem era quem. Acho que ngm ia comentar que x ou y estava lá se n estava.

    Fica difícil lembrar de detalhes pq tb faz tempo, mas acho que era no Glória, ou naquele outro bar do lado, /not sure/, mas é último lugar que lembro ter encontrado com essa galera. Anyway, doesn’t matter, fim das contas, resultado tem sido divertido ^^

  80. Gus Fune,
    agora siiiiiiiiiim! Conheçoo o @gustavojreige e o @skateonrails! Dúvida esclarecida. Hihi, um beijão!

  81. Praticamente inevitável não vim deixar um comentário aqui depois desse “convite” ;D
    Até agora eu estava meio receosa em vim falar alguma coisa, preferi ser só uma telespectadora…
    Mas a vontade de ter certeza que uma pessoa legal como você existe mesmo é maior, e como eu já aprendi com você que a gente deve pensar e agir, pensa 1 vez no máximo e agir… E cá estou eu… 😀
    Enfim, vou conta uma breve historinha de como te conheci…

    Tava eu pela internet atrás de alguma coisa diferente pra fazer, qualquer coisa que fosse…
    E descobri o gengibre… Fiz uma conta (que não deu muito certo porque meu microfone tava bichado ai ok), fui querer saber a utilidade que tem aquilo, o que geralmente as pessoas falam e cliquei em “+ ouvidos” se não me engano…
    Ai tava lá você, no primeiro… Ai já cliquei pensando “olha a foto dessa menina, ela deve ser muito engraçada no mínimo” não em lembro qual foi o primeiro áudio que eu escutei, mais era bom o suficiente a ponto de me da curiosidade o bastante pra ir lááá nos seus primeiros áudios e escuta eles de trás pra frente como se fosse uma novelinha talvez.. Em menos de um dia ouvi toodos os seus áudios, e em um áudio você comentava sobre seu twitter, lógico que procurei e dei follow e imaginei “ela deve ser ainda mais engraçada em 140 caracteres”, depois vi que no seu gengibre tinha o link do seu blog e você também comentava sobre ele em algum áudio, já cliquei e salvei nos favoritos, eu tinha que ler também, eu comecei a ler ele lá do final e estou lendo ele até esse post (parei de ler pra escrever esse comentário) menos de um dia, e fiquei completamente fascinada com a historia do “caralindodeternodoelevadordo8°andar”, e confesso que me emocionei que teve um final (ou não) tipo ultimo capitulo de novela das 8…
    Enfim, antes disso já tinha entrado no seu twitter e achei seu tumblr, seu twitpic, sua conta no youtube… E conheci esses pedacinhos de você um pouco mais de uma semana ;x
    Resumindo… Eu adorei você, deu pra perceber 😀
    Gosto do seu jeito de lidar com as coisas, seu bom humor diário, a sua coragem, sua determinação pra conseguir alguma coisa, sua criatividade… Eu me espelho muito em você, quero ser que nem você quando eu crescer ;D
    Eu vou começar a criar o habito de carregar comigo um bloco de papel e uma caneta comigo, vá que eu encontre você ou o (homem da minha vida) nesses buzão da vida 😀 (apesar de morar no ES)
    Confesso que to um pouco triste por já te lido todo seu blog, assistido todos os seus vídeos, visto todas suas fotos… Acho que vou fazer isso tudo de novo. Ou esperar você atualizar-los

    Calma não precisa fica com medo tipo “nossa que menina loca O__O”
    Me considere uma…. fã 🙂

  82. Rê, você é uma humana muito especial.
    Nossa “xonei” no seu blog…vc é muito natural e espontanea…isso é muito raro hoje em dia.
    Uma graça seus diários…ri muito…mto fofo!
    Quanto ao seu perfil eu já imaginava vc mesmo com a aparência da Malu Mader [não me pergunte pq….].

    Beijokas
    mirrrrrrrr

  83. Leopoldo

    Eu já visito seu blog faz um tempo…e gosto bastante dos seus posts.Não tinha visto ainda os vídeos que você posta (não sei o porque) mas estou gostando!! Não tinha visto você em vídeo ainda!! hehe
    E já ouvia o seu gengibre (gosto da sua voz).
    Você parece ser uma pessoa muito bacana. =)

  84. Isabella

    Nussa! Totalmente diferente da Re imaginaria! Voce eh muito linda, eu adorei os seus videos (principalmente aqueles sobre os seus problemas com eletronicos possuídos, hehe). Seus posts sao mt bns continue escrevendo sempre!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s